Foram 8 mulheres compartilhando, experimentando e se descobrindo entre folhas e árvores gigantes. A experiência de olhar para dentro e fora ao mesmo tempo, de ser parte da natureza e, principalmente, se sentir abraçada por ela nos enlaçou num corpo só, que integra passado, presente e futuro numa brecha do tempo urbano corrido. 

Uma pausa e um aconchego entre dias frios e calorosos. Presenciamos todas as estações do ano e  ganhamos o fôlego que nos fortalece como mulheres, artistas e, de forma surpreendente, integrantes da paisagem.